Laboratório de Nutrição Animal

Laboratório de Nutrição Animal: conta com três técnicos, sendo um de nível superior e dois de nível médio. O presente laboratório é dividido em três seções:

Laboratório de Bromatologia: onde são realizadas análises de rotina do esquema de Weende (MS, PB, FB, EE e MM), análise de fibra pelo processo de Van Soest (FDN, FDA e lignina), energia bruta e provas de digestibilidade in vitro, bem como a de alguns minerais (Ca, P e Se). Durante o ano de 1998 foram implantadas metodologias para análises de amido, carboidratos solúveis, nitrogênio insolúvel em detergente ácido (NIDA), poder tampão e flúor. No ano de 2001 foram implantadas análises de nitrogênio insolúvel em detergente neutro (NIDN) e implementadas variantes das análises de lignina (lignina em ácido clorídrico concentrado e lignina em brometo de metila) e FDA seqüencial. No triênio de 2004 e 2006 foi implementada a determinação da Digestibilidade Verdadeira In Vitro.

Laboratório de Cromatografia: o presente laboratório está habilitado a quantificar ácidos graxos voláteis (ácidos acético, propiônico, butírico e outros), ácidos orgânicos (lático) e etanol através de cromatografia gasosa. Foi realizada a importação, através de financiamento da FAPESP, de um equipamento de cromatografia líquida de alta performance (HPLC), o qual está permitindo a determinação de aminácidos, micotoxinas e vitaminas lipo e hidrossolúveis.

Laboratório de Bioquímica: neste laboratório são realizadas análises para avaliação do perfil de fermentação ruminal e de silagens (nitrogênio amoniacal, pH, dinâmica líquida ruminal), análises de nitrogênio não protéico, solubilidade protéica e atividade ureática nos alimentos, bem como de parâmetros metabólicos sanguíneos (glicose, uréia plasmática, ácidos graxos não esterificados, beta-hidroxibutirato, fosfatase alcalina e outros). Análises hormonais (insulina, hormônios sexuais) ou de cinética enzimática ainda são realizadas em outros departamentos da própria FMVZ/USP.